5 dicas para estruturar um provedor de internet – D-NET

Inscreva-se em nosso newsletter

Fique por dentro das novidades
X

5 dicas para estruturar um provedor de internet

A rede de telecomunicações é um mercado que cresce cada dia mais no Brasil. Para além das grandes empresas, os pequenos provedores de internet, também chamados de ISPs (Internet Services Providers), vêm ganhando cada vez mais espaço e assumindo seu lugar de liderança. Empresas de prestação de serviço banda larga estão entre os setores mais promissores na economia e representam um investimento vantajoso quando o assunto é abrir um novo negócio. A parte mais complicada é saber por onde começar. Pensando nisso, a D-NET separou cinco dicas importantes que podem te ajudar a montar seu próprio provedor de internet.

Conheça a região e monte um projeto de rede

Fazer uma pesquisa de mercado e conhecer a região em que pretende iniciar seu negócio é fundamental. Determinar o espaço, a quantidade de ruas e casas as quais pretende atender, estar atento às questões geográficas que podem afetar a qualidade do seu serviço, conhecer seu público e seus concorrentes são estratégias que podem estar presentes no seu projeto de rede. Isso vai permitir que você consiga avaliar os riscos, otimizar as soluções e visualizar melhor quais os pontos fortes e em quais será necessário um maior investimento.

Obtenha a licença

Essa é a etapa mais importante. Começar um negócio com todas as questões burocráticas em dia, é um dos primeiros passos para fazer com que o seu empreendimento seja promissor e duradouro. Para ser um prestador de SCM (Serviço de Comunicação Multimídia), é necessário ter a autorização da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), que só é concedida para Pessoa Jurídica e tem por objetivo monitorar a fiscalizar os serviços banda larga. É necessário pagar um taxa para regularizar sua empresa, mas caso seu provedor tenha menos de 5 mil assinantes, é possível conseguir isenção.

Compre bons equipamentos

Para que seu negócio já se inicie com qualidade de serviço, é preciso pensar em investir nos equipamentos adequados para ser um bom provedor de internet. Além das ferramentas básicas como linhas telefônicas, modems, softwares, computadores, e servidores de rede, existem outros sistemas necessários para prestar o serviço de banda larga. Confiar em uma boa empresa que fornece soluções inteligentes para ativos de rede e que conhece as necessidades e expectativas desse mercado, vai ajudar no melhor desenvolvimento do negócio e otimizar o trabalho como um todo. Alguns dos equipamentos necessários são: Optical Network Terminal (ONT/ONU), cabo drop low fiction, caixas de emenda e de terminação, splitters, switches, conectores, Optical Line Terminal (OLT), OTDR e máquina de fusão.

Invista em marketing estratégico

Sabendo que o mercado das telecomunicações é um setor muito competitivo, pensar em marketing estratégico de vendas é um diferencial que trará destaque para a sua empresa. Por ter esse caráter dinâmico de crescimento, esse meio está em constante mudança. Por isso, saber alinhar a expectativa do cliente com a qualidade da prestação do seu serviço é o que vai fidelizá-lo. Esse investimento vai permitir maior articulação das vendas. Ao estabelecer um contato mais direto com o consumidor, entendendo o interesse principal do público alvo, é possível definir um foco para buscar novas tecnologias e, consequentemente, o aprimoramento e crescimento do seu negócio

Priorize a qualidade de atendimento

Um dos maiores desafios de manter um negócio em bom funcionamento, é saber como manter uma qualidade de atendimento ao cliente. A fidelização do consumidor depende da garantia de um bom serviço prestado. Além do investimento adequado em um planejamento estratégico de distribuição a respeito da quantidade de funcionários necessários para o tamanho do provedor, que também está relacionado ao número de usuários, o atendimento remoto ao consumidor, tanto na hora da venda quanto na hora das dúvidas e reclamações, deve estar alinhado com os ideais da empresa. Um dos segredos de todo empreendimento de sucesso é saber como desenvolver uma relação de respeito entre funcionários e consumidores, visto que são pilares imprescindíveis para o negócio. Investir em cursos de capacitação para sua equipe, assim como na contratação de uma boa companhia de call center irão auxiliar na especialização do atendimento.